6 atitudes sem excesso para vencer o caos

Equilíbrio é fundamental para manter a serenidade, mesmo diante do caos. Acompanhe nossas dicas!

As mensagens não param de apitar na tela do celular, a lista de e-mails não lidos só cresce, o cronograma tá super atrasado, sem falar em seus compromissos pessoais que já ficaram para depois há muito tempo. Caos. Essa é a palavra que resume sua vida no momento. E para bater as metas e virar o ano no verde, outros esforços serão necessários, pois a tendência é que a agenda fique ainda mais turbulenta. Só de pensar nisso sua cabeça começa a latejar? Calma! Estamos aqui para te ajudar.

Como nossa missão é estimular uma vida mais equilibrada em todos os sentidos, contribuir para a organização de suas tarefas (e também de sua mente) faz parte do compromisso Sem Excesso. E para começar bem, temos uma boa notícia: sim, é possível manter a serenidade mesmo em situações desfavoráveis. Apostando na concentração, organização e com uma dose de esforço, vai ser possível colocar sua vida em ordem e riscar cada uma das tarefas sem sofrer demais. Vamos começar?

Saiba o que você pode controlar ou não

Analise com atenção suas responsabilidades e compromissos. Se necessário, faça uma lista com cada um deles (incluindo afazeres pessoais e sociais). Separe-os de acordo com o que depende exclusivamente de você e crie um cronograma pessoal, mas pensando nos impactos externos. Em relação aos compromissos que não dependem de você para serem resolvidos, liste maneiras de contribuir para acelerar o processo. Fazer tudo o que está ao seu alcance te dará uma sensação de dever cumprido, mesmo que algum item não seja totalmente cumprido.

Aposte na resiliência, mas sem ser insensível

É normal se sentir confuso, angustiado ou desanimado. É importante, inclusive, se permitir a isso. Especialistas explicam que é quase impossível criar um bloqueio diante de certos estados emocionais e a ideia não é essa. Sinta, mas abrevie esses sentimentos. Prolongar o abatimento não trará efeito positivo. Se algo deu errado, você ficará triste, mas tenha em mente que é preciso virar a página o mais rápido possível. Aprenda como os erros e comece de novo.

Pergunte-se: como o caos vai te favorecer?

Em meio a momentos de desordem, é fundamental ter claro em sua mente o motivo dessa situação e como isso vai te beneficiar no final (os prazos estão apertados, mas você vai virar o ano no verde, é um exemplo). Para sobressair a um momento turbulento de forma saudável, seja na vida profissional ou pessoal, é importante que os resultados que serão colhidos façam sentido para você. Foque no resultado futuro, como isso vai te ajudar em outros aspectos da sua vida. Pensar no lado bom das coisas contribui para aumentar sua motivação.

Ser positivo é muito melhor que fazer drama

Olhar para o caos e pensar “não vou dar conta” não vai te ajudar em na-da! A situação vai continuar como está, sem melhorar um milímetro. O primeiro passo é acreditar que sim, você é capaz de sobressair ao caos. Organize suas ideias, planeje o que deve ser feito e mãos à obra. E nunca deixe o pensamento positivo de lado. Por mais dramática que a situação seja, tente raciocinar em torno da prática: o negativismo vai contribuir com o que? Com nada, né? É como falamos acima, enxergue o lado positivo da situação e não enalteça as partes ruins, ok?

Busque apoio

Vale conversar com amigos, família, colegas de trabalho, mentores etc. O objetivo é dividir suas angústias e trocar experiências sobre o assunto. Afinal, todo mundo já viveu uma situação de estresse e pode compartilhar aprendizados. Só de pôr o problema pra fora e conversar a respeito já vai dar um alívio imediato.

Cuidado com os excessos

É importante ser realista ao analisar as situações e evitar excessos, sobretudo nas expectativas. Criar probabilidades super favoráveis sobre situações que não estão sob o seu controle podem te frustrar. Evite criar excesso de expectativa sobre resultados que envolvem a equipe, retornos que dependem do colega, ou mesmo em uma conversa de família.

Lembrando que o excesso não é bom em situação nenhuma, inclusive se essa fase turbulenta tá pedindo um momento relax, com direito a happy hour. Se optar pelo consumo de bebidas alcoólicas, que seja com moderação, para não trazer prejuízos à sua saúde física e mental. A gente já falou sobre o que é beber socialmente e esse texto aqui tem até recomendações da Organização Mundial da Saúde.

Fonte: com informações do International Coach Federation – Brasil (ICF Brasil)

Posts Relacionados

Inscreva-se