Dor de garganta e bebidas alcoólicas

Amigdalite e faringite exigem atenção para o consumo de bebidas

Com a chegada do inverno, é mais comum aparecerem aquela desagradável dor de garganta que acomete grande parte da população. Conhecidas como faringites e amidalites, são doenças com transmissão viral ou bacteriana, nos quadros mais graves. Exigem cuidado e devem ser observadas de perto. Em muitos casos são acompanhadas por anginas ou infecção das amígdalas, órgãos linfáticos situados na garganta. O principal causador é um vírus, mas a bactéria Streptococcus causa inflamações como as anginas provocando dores e febre.

Nas duas situações, o consumo de bebidas alcoólicas deve ser diminuído ou até mesmo evitado, especialmente quando for detectado um quadro bacteriano que exige o uso de medicamentos como antibióticos, por exemplo.

“Nessa condição, o paciente deve buscar uma alimentação saudável e hidratação que ajude a expectorar. O consumo de bebidas alcoólicas deve ser moderado e interrompido quando surgirem os primeiros sintomas de infecções das vias aéreas, principalmente, nos quadros bacterianos que exigem o uso de medicamentos” ressalta a Dra. Andrea Aparecida Sette, pneumologista do Hospital e Maternidade São Luiz Itaim.

Não há como evitar uma gripe e muito menos uma amidalite ou faringite. Os quadros infecciosos acabam acontecendo em algum momento. A maior frequência é em regiões frias ou durante o inverno, quando o tempo é mais seco e os poluentes não são dispersados com facilidade, e as pessoas acabam permanecendo mais tempo em locais fechados, o que contribui para contaminações por vírus. Para esses casos, a especialista alerta sobre alguns fatores de risco:

1) a possibilidade de surgir uma infecção secundária após a viral: quando a baixa imunidade deixa uma porta aberta e depois de 4 a 5 dias com os sintomas, as dores acabam piorando e uma infecção viral transforma-se num quadro bacteriano, que exige mais cuidados.

2) evitar a transmissão na rua e contatos próximos em locais fechados. Nesse caso, principalmente no inverno, é importante sempre higienizar as mãos.

Posts Relacionados

Inscreva-se