Não se renda aos excessos do inverno

Frio não é desculpa: é possível se manter saudável com um cardápio equilibrado e as atividades físicas em dia sem deixar de curtir o friozinho. Veja nossas dicas para não cometer excessos no inverno

Chegou o frio e, com ele, a vontade de comer chocolate e abandonar as frutas. Atividades físicas também já não parecem mais tão atraentes. Mas, claro que você quer uma vida equilibrada e não pretende deixar todos os hábitos saudáveis apenas para os dias de sol, né? Então fique tranquilo: é possível levar uma vida sem excessos também no inverno – e algumas dicas podem te ajudar a fazer isso sem sofrimento.

Fome de leão

Se o objetivo é se manter em forma, saiba que esse período do ano tem várias vantagens. A primeira é que o corpo gasta mais energia para manter a temperatura e, assim, você perde peso até parado. O problema é que isso faz com você sinta mais fome. Uma forma simples de transformar isso em algo ao seu favor é diminuir o intervalo entre as refeições. Faça pequenos lanches saudáveis a cada duas horas e meia. Assim, a fome nunca vai te trair.

Prato cheio

Achou difícil a parte dos “lanches saudáveis”? Muita gente acaba abandonando frutas e verduras no inverno para substituí-los por pratos quentes. Não tem nenhum problema, desde que os ingredientes desse cardápio sejam seus aliados. Sopas, claro, são bem-vindas, mas dê preferência para as receitas que possuam uma porção de proteína ou de gordura boa, como amêndoas ou linhaça. Fuja da batata inglesa, do bacon e do macarrão em excesso. Carboidratos com menor índice glicêmico são mais indicados, como batatas-doces ou baroa. Legumes assados também são boas opções para substituir as saladas cruas. Sobremesa? Quem sabe você não tenta frutas quentes? Polvilhando canela sobre elas, além de um doce delicioso, ainda terá um termogênico na tigela, capaz de acelerar o gasto de energia (e calorias) do seu organismo.

Petisco e conversa

Para quem é adepto de um bate papo com os amigos para espantar o frio e sabe que isso vem acompanhado de algumas doses de bebidas alcoólicas e tira-gostos, também dá para manter o equilíbrio. A noite é de queijos e vinhos? Prefira os queijos de cabra, ovelha ou búfala. Eles são menos alergênicos que os derivados do leite de vaca e isso ajuda a evitar o acúmulo de gorduras. Deu vontade de transformar o queijo em fondue? Quem sabe não escolhe outros molhos mais saudáveis para acompanhar a carne, como aqueles a base de tomates naturais? Ah, e procure grelhar as carnes antes de jogar na panela, assim elas ficarão menos tempo na gordura e terão um menor valor calórico. Quanto às bebidas alcoólicas, escolha a da sua preferência e lembre-se de consumi-las sem excesso. Outra dica importante é não usá-las para se esquentar, porque o tiro pode sair pela culatra.

Mexa-se

Está difícil acordar cedo no frio para fazer atividades físicas? Então mude o horário do treino. O ideal é buscar os horários mais quentes do dia, como o fim da manhã. Se não for possível, passe o horário para a noite. Só não vale ficar parado. Aproveite que seu corpo, na tentava de manter a temperatura, já gasta mais energia e use isso ao seu favor. Mas não deixe de tomar os cuidados extras que o período exige. Em primeiro lugar, alongue-se. A dica vale para qualquer época do ano, mas no frio é ainda mais importante, já que a musculatura tende a estar mais contraída. Também não deixe de se agasalhar: o frio gera vasoconstrição, o que faz com que o sangue tenha mais dificuldade em chegar a todas as partes do corpo. Para que isso não seja um problema, use moletons e, se for treinar ao ar livre, não tenha medo de usar luvas, gorros e blusas corta-vento. Muitas marcas contam com roupas destinadas à malhação no frio, busque as que te parecerem mais adequadas.

Com um pouco de disciplina, é possível manter o equilíbrio sem deixar de curtir o inverno. Tem mais dicas sobre isso? Compartilhe com a gente!

Fontes: O Estado de São Paulo, Portal Ig Saúde, Revista Boa Forma e Programa Bem-Estar.

 

Posts Relacionados

Inscreva-se