Como o seu corpo reage ao frio: mitos e verdades

Bebidas alcoólicas esquentam? Sua produtividade no trabalho cai? Há mais riscos de lesões em atividades físicas? Saiba como seu corpo reage ao frio e veja dicas de como driblar as dificuldades do inverno para manter sua rotina sem excesso

Além das roupas elegantes, o inverno traz dias mais curtos e noites mais longas. Traz, ainda, um vento frio que, para alguns, funciona como uma boa desculpa para deixar de ir à academia e, para outros, como um dificultador o bom rendimento no trabalho. Mas, afinal, o frio de fato diminui a motivação para atividades do dia a dia? Os excessos podem ser mais prejudiciais nessa época do ano? Veja o que é mito e o que é verdade sobre disposição em temperaturas mais baixas.

O frio pode prejudicar a produtividade no trabalho: VERDADE

Alguns estudos indicam que o frio pode prejudicar o rendimento em certas atividades laborais porque o corpo gasta muita energia para manter sua temperatura – e, assim, reduz os gastos energéticos em funções como a concentração. Uma pesquisa publicada pela Universidade de Cornell (EUA), por exemplo, ao avaliar os efeitos do uso do ar condicionado em ambientes de trabalho, identificou que os erros de digitação caem 44% e a produtividade aumenta em mais de 100% se o aparelho não deixar a temperatura baixar de 20ºC.

Além disso, se você trabalha sentado em frente ao computador, os problemas clássicos do excesso de tempo em uma mesma posição, como má circulação sanguínea, poderão piorar. Assim, uma das dicas é fazer mais pausas ao longo do trabalho e, durante elas, se movimentar. Vale fazer um alongamento ou simplesmente caminhar até o banheiro ou se levantar para tomar um café. E, claro, use roupas quentes e não dispense um chá ou outra bebida de sua preferência para se esquentar.

Bebidas alcoólicas espantam o frio: MITO

Você pode até sentir um conforto temporário: é resultado da vasodilatação, que leva sangue e calor à pele e às extremidades. Mas, para isso, você estará retirando calor do resto do corpo. Assim, o exagero nas doses de bebidas alcoólicas te levará ao efeito oposto e você poderá acabar com hipotermia. Mas nem se forem bebidas quentes? A regra é a mesma: se você exagerar, vai sentir os efeitos negativos e não se sentirá mais quente. Então a dica é simples: bebidas alcoólicas só para maiores de 18 anos e sempre com moderação.

Os riscos de lesões em atividades físicas aumentam no inverno: VERDADE

É claro que isso não é desculpa para parar as atividades físicas, né? Se você se cuidar, vai continuar colhendo os benefícios dos exercícios durante todo o inverno. A questão é que o frio faz a musculatura se contrair e, então, a primeira dica é: alongue-se bem antes de qualquer atividade. Outro cuidado fundamental é se agasalhar, especialmente se a ginástica for feita ao ar livre. O frio gera vasoconstrição, o que aumenta a dificuldade do sangue em alcançar todas as partes do corpo, por isso, tente manter seu corpo aquecido.

Sabendo o que é mito e o que é verdade sobre o funcionamento do seu corpo no inverno, dá para curtir o frio com equilíbrio. E não deixe de respeitar os seus limites e adaptar ao período do ano. O local em que trabalha é muito frio? Mude de mesa ou leve um casaco mais grosso. É mais difícil sair da cama para malhar de manhã? Vá à academia à noite. Está desanimado para sair e se encontrar com os amigos? Faça um evento e os convide à sua casa – e lembre-se: não deixe ninguém exagerar com as bebidas alcoólicas para que a diversão seja completa.

E você? Tem dicas para curtir o inverno com equilíbrio? Compartilhe com a gente.

Fontes: revista Exame, Portal Uol Forbes, Portal Uol Mulher e Centro de Informações sobre Saúde e Álcool (CISA).

 

Posts Relacionados

Inscreva-se