Gordura abdominal pode ser combatida com rotina sem excessos

Reeducação alimentar e moderação no consumo de bebidas alcoólicas são as maneiras mais eficazes para acabar de vez com a barriga indesejada

Apesar das bebidas alcoólicas ganharem a fama pelas “barrigas avantajadas”, elas não são as únicas responsáveis pelo aumento da gordura abdominal, como atesta a nutricionista Camila Aramuri. Os excessos de carboidratos simples, presentes não só neste tipo de produto, mas também em diversos alimentos como pão e arroz branco, biscoitos, refrigerantes e açúcar contribuem para o sobrepeso na região do abdômen.

A nutricionista explica que a ingestão de grandes quantidades desses alimentos junto com bebidas alcoólicas eleva a produção de insulina e esses picos são os responsáveis pela formação de depósitos de gordura na região abdominal. Mais importante que a estética, é preciso ficar atento à circunferência da cintura devido à sua ligação com a saúde cardiovascular. O grande acúmulo de gordura na área da barriga pode levar a problemas no coração.

A reeducação alimentar priorizando o consumo sem excessos de bebidas alcoólicas e alimentos ricos em farinhas brancas é a maneira mais eficaz de combater a gordura do abdômen, segundo Camila Aramuri. Ela também sugere fracionar a alimentação ao longo do dia, de preferência a cada três horas, para manter a glicose estável na corrente sanguínea. Assim, a pessoa não fica com muita fome no momento das refeições principais e evita os desejos por determinados alimentos como doces.

De acordo com a nutricionista, o uso contínuo de produtos integrais e ricos em fibras ajuda bastante a diminuir a circunferência da barriga, pois mobilizam a gordura depositada no abdômen para geração de energia para o organismo. Ela recomenda o consumo regular de alimentos como feijão preto, brócolis, abóbora, cereais, soja, milho e frutas, que auxiliam não só na diminuição da cintura, mas também na prevenção e tratamento das doenças cardiovasculares e controle do colesterol.

Posts Relacionados

Inscreva-se