Lazer para uma vida sem excessos

Pesquisa indica que uma rotina com atividades de lazer está entre os principais fatores que reduzem o abuso de bebidas alcoólicas entre mulheres

Atividades de lazer são essenciais para uma rotina saudável e equilibrada – isso já é consenso entre médicos e terapeutas há algum tempo. Um estudo recente da Universidade de Gothenburg, na Suécia, agora apresenta um novo benefício do hábito: mulheres envolvidas nesse tipo de afazer raramente têm problemas com consumo excessivo de bebidas alcoólicas. De acordo com a terapeuta ocupacional Christina Andersson, as conclusões do estudo podem ajudar a desenvolver políticas públicas de combate aos abusos na ingestão dessas bebidas.

A principal descoberta é a de que quadros de dependência e excessos, além de situações episódicas de alto consumo (binge), são mais comuns em mulheres que não possuem atividades de lazer, mesmo entre aquelas com muito tempo livre. Não apenas o tempo livre, mas também os índices de satisfação com outras áreas da vida, como trabalho e situação doméstica, se mostraram menos importantes do que os hábitos recreativos para evitar exageros.

A pesquisa faz parte de um esforço que tem analisado a relação das mulheres com as bebidas alcoólicas desde a década de 1980. Nessa parte do trabalho, participaram 851 mulheres entre 20 e 55 anos, que foram entrevistadas e tiveram suas rotinas avaliadas. É importante lembrar que, devido a diferenças no metabolismo feminino, mulheres devem ingerir menores quantidades de bebidas alcoólicas do que homens

Posts Relacionados

Inscreva-se