De malas prontas e sem excesso

As mudanças nas regras de bagagens permitidas nos aviões aumentou o desafio de fazer as malas. O feriado está próximo, mas não viaje sem antes conferir nossas dicas para evitar problemas com excesso de peso.

O feriado se aproximando e você só pensa em aproveitar para fazer aquela viagem desejada há tanto tempo. Pode ser um passeio com a galera ou uma fuga sozinho, o objetivo pode ser festejar a vida ou se descansar dela, o destino pode ser praia ou neve – não importa, há sempre uma questão a ser resolvida antes de partir: a mala. A mudança nas regras de bagagem dos voos nacionais tornou a missão de decidir o que vai e o que fica ainda mais cruel. Mas não se preocupe, vamos te dar as dicas para levar tudo o que precisa sem cometer excessos que podem pesar no bolso ou nas costas. Confira o passo-a-passo:

– Planeje: O primeiro passo é verificar a franquia de bagagem permitida pela passagem que você comprou, já que o peso aceito varia muito entre as companhias e entre os tipos de passagem. Caso vá para o exterior e tenha, por isso, uma franquia mais alta, não se esqueça de checar se seus voos internos, no Brasil ou no destino escolhido, aceitam também esse peso da bagagem;

– Pesquise: Saiba tudo sobre o seu destino antes de partir. Consulte de boletins meteorológicos a relatos de turistas que já foram ao local. Pesquise o que há para se fazer por lá e pense se algum desses espaços exige roupas específicas – pode ser de um bar mais requintado que pede uma roupa mais elegante a uma mesquita islâmica que exige roupas mais discretas. Separe primeiro essas peças especiais para colocar na mala.

Seja criativo: Prefira peças de roupas que combinam facilmente com outras peças. Um short de cor neutra pode ser usado por alguns dias seguidos com blusas diferentes. A mesma camisa vai parecer outra se você colocar colares diferentes sobre ela. Escolha, portanto, um guarda roupa flexível e use sua criatividade para sair nas fotos com um look diferente a cada dia. Separe todas essas roupas escolhidas em cima da cama.

Desapegue: Você usou toda a criatividade para separar as roupas mais adequadas aos locais que pretende ir, à temperatura dessa época do ano e às possibilidades de combinação. Agora olhe para tudo isso e pense em alguns detalhes. É uma roupa que amassa muito e precisa ser passada? Deixe em casa. Muito branca e qualquer sujeira fica evidente demais? Descarte também. É uma roupa linda de viver, mas tão marcante que você não vai querer repetir? Devolva ao guarda-roupa. Agora substitua metade (apenas metade) dessas peças por outras que podem ser facilmente lavadas e secas – a maioria dos hotéis contam com lavanderia e a cada vez que você carregar a mala vai agradecer pelo peso que deixou em casa.

Acerte na medida: Imagine que você está com pouco dinheiro e não quer gastar com a compra de shampoos e cremes no seu destino. Ok, tudo bem. Mas você precisa levar todo o seu estoque de cosméticos? Fique no básico e, para o que for essencial, pense na medida ideal. Consiga frascos pequenos e leve neles a quantidade que vai usar ao longo do feriado. Quanto mais preciso você for nessa medida, menos excesso vai levar na bagagem.

Quebra-cabeça: Tudo separado, é hora de colocar na mala. A dica mais importante é escolher uma bolsa que você carregue confortavelmente e que não pese, quando vazia, mais do que o necessário. Depois disso, o ideal é você colocar os itens mais pesados por baixo de tudo. Outra dica é enrolar as peças de roupa, não dobrá-las – isso facilita a ocupação dos espaços vazios na bagagem.

Ida-e-volta: Não se esqueça de que é só um feriado e você vai voltar para casa – possivelmente com alguns souvenires. Leve uma sacola leve enrolada na mala para trazer o que comprar por lá e a cada vez que tirar o cartão de crédito do bolso, faça a conta também do peso: só compre se não significar excesso de bagagem.

Agora, de malas prontas, é só alegria. A boa notícia é que fotos e memórias divertidas não pesam – exagere nessa coleção.

Já passou aperto com excesso de bagagem? Ou fez o contrário e deixou algo essencial para trás? Conte para nós suas aventuras.

Fonte: com informações do guia O Viajante e dos portais Melhores Destinos e UOL.

 

Posts Relacionados

Inscreva-se