Organização contra a ansiedade

Investir na organização de sua agenda pessoal, sua casa e trabalho pode ajudar no combate à ansiedade. Listamos cinco dicas importantes para manter tudo em ordem.

A tecnologia trouxe ao mundo moderno mais praticidade, velocidade e soluções simples para problemas complexos. No entanto, há a sensação crescente de que sua agenda é inversamente proporcional ao tempo que você dispõe. O trabalho é feito às pressas, os compromissos pessoais são frequentemente adiados, sua casa está uma bagunça e o sentimento de desordem e ansiedade reinam absolutos. Se encaixou na descrição? Calma, você não está sozinho. Recentemente a Organização Mundial da Saúde (OMS) apontou que só no Brasil mais de 13 milhões de pessoas sofrem com transtornos ligados a ansiedade.

A boa notícia é que é possível desenvolver hábitos para lidar com o problema, como afirmou a pesquisadora Olivia Remes, do Departamento de Saúde Pública da Universidade de Cambridge, em entrevista à BBC. A partir das orientações da especialista, listamos cinco práticas que podem ajudar a combater o distúrbio. Lembrando que cada caso deve ser analisado com cautela, pois dependendo da queixa, é necessário buscar auxilio de um profissional especializado.

Organizar os pensamentos é o primeiro passo

Desconecte-se por um momento e reflita sobre o que tem tomado seu tempo, o que mais te preocupa ou incomoda. Faça uma lista com tudo e tente solucionar cada tarefa/desafio, começando pelo que considerar prioridade. É importante que esse momento de reflexão faça parte de sua rotina. O ideal é escolher, pelo menos, um dia da semana para isso, ok?

Liste os problemas para resolvê-los

Ao invés de correr dos problemas e preocupações, é importante escolher momentos do dia para dar vazão a eles, encará-los e racionalizá-los. Analise cada um, liste formas de solucionar o que estiver ao seu alcance e lembre-se: você não controla tudo. Isso vai te ajudar a focar nos aspectos bons de sua rotina e no desenvolvimento de uma postura positiva diante dos desafios.

Crie uma rotina de exercícios para estimular a disciplina

Não é novidade que a prática frequente de atividades físicas é excelente para o bem-estar mental. Mas não adianta se exercitar um fim de semana ou outro, pois a regularidade é que vai fazer a diferença. Criar uma agenda de atividades físicas frequentes (três vezes na semana, durante 30 minutos, por exemplo) ajuda e muito na disciplina para outras tarefas e organização das tarefas diárias.

Organize a programação dos afazeres pessoais

Além do trabalho, são tantos compromissos e tarefas na vida pessoal que você vai fazendo o que aparece primeiro, no modo automático. Pare com isso! Um jeito de combater e ansiedade é programar todas as atividades, incluindo momentos de lazer, cuidados com a saúde, estudos etc. Crie uma agenda para você e escolha dias da semana para os compromissos. Por exemplo, segunda, quarta e sexta são os dias de academia e meditação; terça é o momento do grupo de estudos; às quintas você organiza a casa; e os fins de semana são dedicados a programas culturais, leituras demoradas e lazer com amigos e família.

Cuidar da organização da casa ajuda a manter a mente serena

Ambiente de trabalho e casa bagunçada podem piorar os estados de estresse e ansiedade, pois criam uma desordem mental que incomoda, mesmo que seja no subconsciente. Crie o hábito de organizar a mesa, o quarto, a cozinha, o banheiro logo após o uso, sem deixar para depois. Outra dica de ouro é ter apenas o necessário, aquilo que você usa no dia a dia. Objetos, roupas e calçados parados há de um ano não são necessários e podem ser doados. A partir dessa triagem escolha um lugar adequado para cada objeto. Manter as coisas em seu devido lugar contribui para a sensação de organização e bem-estar da mente.

Gostou das nossas dicas? Tem outra sugestão ou experiência para compartilhar? Comente em nossas redes sociais ou aqui na matéria. Vamos adorar!

FONTE: BBC e Sociedade Brasileira de Psicologia.

Posts Relacionados

Inscreva-se