Comprei meu primeiro carro. E agora?

Regras como não misturar bebidas alcoólicas e direção você já sabe de cor. Mas, além disso, o que é necessário para não cair em nenhuma cilada com o seu primeiro carro? Acompanhe as nossas dicas!

Depois de muitas idas e vindas no banco do passageiro, chegou a hora de se ver plena ao volante, em seu tão sonhado carango. Cachoeira aos fins de semana, bate e volta no sítio da amiga, dormir 30 minutos a mais todo dia e, finalmente, entrar no rodízio motorista da rodada – porque na sua turma é tradição: ninguém ousa encostar no volante depois de consumir bebidas alcoólicas.

São muitos os planos e você não esconde a empolgação ao realizar esse desejo antigo. Agora, como toda boa novidade, o frio na barriga e as dúvidas são inevitáveis. Além de não misturar bebidas e direção, o que mais é importante saber para não vacilar com seu carrinho novo? Ouvimos experts em educação de trânsito e listamos ensinamentos fundamentais você dirigir tranquila e em segurança. Acompanhe!

Xô ansiedade

Para respeitar as regras de trânsito, que você aprendeu tão bem ao tirar sua CNH (Carteira Nacional de Habilitação), é preciso observar com atenção todo o seu entorno, o que inclui sinalizações, outros carros e, claro, pedestres. Respire fundo várias vezes se for preciso e controle a ansiedade. Equilíbrio e cautela andam juntos e são fundamentais para a direção segura.

Treine diariamente

Foi suado, mas você passou com louvor nas provas de trânsito e conquistou sua CNH. Por outro lado, isso já tem um tempinho e lhe falta prática. Para vencer esse obstáculo, nada melhor que treinar. Escolha trajetos mais tranquilos para percorrer diariamente e vá aumentando o grau de dificuldade. Mas tenha paciência: não é indicado encarar uma rodovia lotada, de alta velocidade, de uma hora pra outra. Esse passo só pode ser dado depois de muito treino e de você se sentir 100% segura ao volante.

Evite horários de pico

Como parte do treinamento, prefira dirigir em horários menos caóticos nas primeiras semanas. Com o fluxo de carros menor, você evita situações estressantes e tende a ficar menos nervosa.

Fique íntima do seu carro

Carros não são bichos de sete cabeças e conhecer cada funcionalidade é um grande passo para ter mais segurança ao dirigir. Faça um verdadeiro tour pelo veículo – motor, pneus, kit de estepe, extintor e painel. Depois ajeite o banco, regule todos os espelhos, treine as setas, marchas, freio e faróis. O importante é ficar íntima de cada detalhe e sempre fazer as revisões recomendadas pelo fabricante.

Direção defensiva

Antecipar e evitar situações de risco são os principais objetivos da direção defensiva, ensinamentos que você deve saber de cor toda vez que tomar o volante. Lembre-se da posição ideal para dirigir (corpo em 90 graus, encosto da cabeça na altura dos olhos do motorista), de sinalizar movimentos necessários a outros motoristas, manter-se à direita, só ultrapassar com total segurança e visibilidade, tomar distância do carro da frente e abrir caminho para quem estiver mais rápido.

Selfies só com o carro estacionado

Devido ao crescente número de acidentes, usar celular enquanto dirige é considerado hoje infração gravíssima pelo Código de Trânsito Brasileiro. E isso vale para selfies, responder Whatsapp e tudo que envolve o aparelho móvel ao volante. Então você já sabe: smartphone só com carro estacionado ou no banco do passageiro.

Som muito alto não rola

Ter total atenção ao seu entorno é pré-requisito para dirigir com segurança. E, convenhamos, não dá para ter atenção plena com uma sonzera dentro do carro. Portanto, modere o volume da música e certifique-se de que está ouvindo os alertas da rua. Tem outra dica para motoristas de primeira viagem? Compartilhe sua experiência com a gente!

Fonte: com informações da Revista Auto Esporte e Denatran (Departamento Nacional de Trânsito)

Posts Relacionados

Inscreva-se