Provas e bebidas alcoólicas não combinam

Entenda porque consumir bebidas alcoólicas em excesso pode prejudicar o resultado dos testes e veja nossas dicas para se sair bem nas provas

Todo mundo gosta de se dar bem nas provas, certo? Para não fazer feio, você já sabe que é preciso se dedicar à leitura, fazer vários exercícios e sínteses com os principais tópicos da matéria. Além disso, é preciso ficar atento à sua rotina, cuidar da qualidade do sono, da alimentação e, super importante: não consumir bebidas alcoólicas em excesso na véspera dos testes. Se isso passou pela sua cabeça como um jeito de te deixar mais relaxado, saiba que todo o seu esforço pode ir por água abaixo. Segundo a médica e especialista em estudos do álcool, Ana Cecília Marques, esse comportamento traz graves prejuízos para a capacidade de concentração e leva à perda de memórias recentes.

Ela explica que os conteúdos aprendidos e revisados nos dias anteriores ao consumo de bebidas podem simplesmente sumir da memória (muito comum na amnésia alcoólica) ou ficarem embaralhados, deixando a pessoa confusa no momento do teste. Em grandes quantidades, o álcool pode causar ainda uma espécie de sonolência, prejudicando a capacidade de raciocínio. De acordo com a médica, esses efeitos negativos podem permanecer por um tempo entre 24 a 48 horas, período necessário para a pessoa eliminar a substância do organismo. Aqueles que têm sensibilidade no fígado ou no rim podem demorar ainda mais, já que nessas pessoas o metabolismo das bebidas é processado de forma mais lenta.

Percebeu agora porque beber em excesso não combina com os testes escolares, não é? Lembramos também que consumir bebidas alcoólicas antes dos 18 anos é proibido por lei e explicamos aqui o motivo.

Conheça agora sete dicas que funcionam de verdade e vão te ajudar a arrasar nas provas:

1-Mantenha-se calmo. Não se sentir pressionado é fundamental para conquistar um bom resultado. Ideias fixas do tipo “é tudo ou nada” traz nervosismo e pode prejudicar o entendimento e interpretação das questões.

2-Não estude até o último minuto da prova. Reserve o dia anterior para relaxar. Vá ao cinema, pratique atividades físicas, divirta-se com os amigos, mas nada de baladas!

3- Organize-se. É muito importante criar uma rotina de estudos antes das provas. Você deve ter metas claras com as horas necessárias para a leitura do conteúdo e para a prática de exercícios. Leve em conta suas dificuldades no momento de se programar e separe um tempo extra para os assuntos que considera mais complicados.

4-Alimente-se bem. Não faça a prova de estômago vazio. Por mais que você esteja ansioso e sem vontade de comer, é muito importante fazer uma refeição leve antes do teste. Se a prova for cedo, opte por frutas, cereais integrais, geleias e café. Para o almoço, escolha arroz ou massas integrais, vegetais, peixe ou frango. Certamente esses alimentos vão te deixar bem-disposto!

5-Tire um tempo para você mesmo. Para se manter relaxado, procure criar uma rotina de estudos que inclua descanso e atividades que te tragam prazer. Sejam algumas horas por dia ou um dia inteiro na semana, ter um momento de tranquilidade é importante para estimular o bom raciocínio.

6-Não releia demais as questões. Leu? Entendeu? Responda e passe para a próxima. O ideal é começar pelas questões objetivas e deixar as mais complicadas para o final.

7- Cuide do seu sono. Dormir bem é fundamental para ter disposição ao longo do dia, além de ser uma excelente maneira de estimular a concentração e raciocínio. Dormir entre 7 e 8 horas por dia é o recomendado.

Gostou de nossas dicas? Tem outras sugestões? Compartilhe com a gente!

Fonte: com informações do Guia do Estudante Abril

Posts Relacionados

Inscreva-se